Salário mínimo fixado em R$ 880, em 2016

06/01/2016

Em 1º de janeiro de 2016, entrou em vigor o novo valor do salário mínimo. O Decreto 8.618, publicado pelo governo federal em 30 de dezembro de 2015, fixou o piso nacional em R$ 880,00. O valor teve reajuste de 11,68% sobre os R$ 788,00, que vigoraram no ano passado. Com a mudança, o valor diário do salário mínimo será de R$ 29,33 e a hora de R$ 4,00.

Com o objetivo de analisar o impacto do reajuste na economia do país, o Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE) publicou a Nota Técnica 153 – Política de Valorização do Salário Mínimo: valor para 2016 é fixado em R$ 880,00.

O estudo estima que 48,3 milhões de trabalhadores têm o rendimento referenciado no salário mínimo. Com o reajuste, o incremento de renda na economia será de R$ 57,042 bilhões e o de arrecadação tributária sobre o consumo de R$ 30,7 bilhões.

Nas administrações públicas, o impacto do aumento no valor será mais sentido nos municípios, que têm a maior parte dos servidores que ganham até um salário mínimo, principalmente na região Nordeste.

O aumento significará custo adicional de R$ 26,960 bilhões às contas da Previdência Social, pois 69,2% do total de beneficiários recebe até um salário mínimo. O reajuste também afetará o valor máximo pago pela Previdência, que deverá passar de R$ 4.663,00 para R$ 5.189,82.

loading...